Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

INTERCAMBIANDO

Blog para fazer amigos pelo mundo, falar do cotidiano, experiências , sentimentos e relacionamentos das pessoas comuns!

INTERCAMBIANDO

Blog para fazer amigos pelo mundo, falar do cotidiano, experiências , sentimentos e relacionamentos das pessoas comuns!

  • COMPARTILHAR NO GOOGLE MAIS

  • RESTODONTÊ OU SOBORÔ?

    Segunda-Feira, após o Natal, ou qualquer outra festa, é dia de comer comida francesa "Restodontê", ou japonesa "Soborô"!...

     

    Essa é uma brincadeira que os brasileiros fazem para não dizer que se comeu os  "restos de ontem", ou o "que sobrou"!Claro que, nas línguas originais estas palavras não existem desta forma. O brasileiro usa o som das palavras na lingua francesa e japonesa, aplicadas a uma modificação da própria língua portuguesa, prá fazer esta chacota!

     

    Eu optei por fazer o Soborô, em forma de salada, e ficou muito bom!

     

    O que deu o toque final foi o salsão, que sempre já providenciamos com antecedência, para esta finalidade.Então vamos à receita, que, claro, cada um tem uma.

     

    Desfiamos o peru que sobrou da ceia, e acrescentamos:

    Cenoura ralada, pimentão verde, pimentão amarelo,  se tiver, também o pimentão vermelho. Como não tínhamos, para por a cor vermelha na salada, optamos pelo tomate, sem sementes. Salsão em talos picados miúdos, folhinhas  verdes do salsão, azeitonas pretas, azeite, sal, limão.

    Ficou com uma aparência apetitosa, e com ótimo sabor!

     

    Essa é apenas uma sugestão de Restodontê, ou de Soborô. Quem tiver outras, aceitamos e agradecemos, aos que quiserem compartilhar conosco!

     

    Uma boa semana, e aproveitem as férias!

     

    SIMPLES ASSIM!

    Adoro linguística...e reflexões!...Para quem gosta de refletir, a linguística, sempre dá panos prá mangas!...Pois foi o que me ocorreu, desde ontem, com uma palavra: "SIMPLES"!...Essa palavra, deixou-me a pensar que, de simples, ela não tem nada!

     

    Um amigo, que só conheço através da net, disse-me ontem, que gostava de mim, porque sou "Simples"!...Na hora, pensei: Isso será bom, ou ruim?

     

    Fui consultar meu velho e bom amigo "Aurélio"! ( um antigo e manuseado dicionário com 1781 páginas, e nem sei quantos verbetes).

     

    Lá diz assim: SIMPLES: Adjetivo. 1. Que não é duplo, múltiplo, ou desdobrado em partes. 2.Que não é constituído de partes ou substâncias diferentes; singelo...Até aqui, tudo bem!...Sou bem simples, mesmo!... 3.Sem ornatos ou elementos acrescentados....Bem, nem tanto, adoro uns penduricalhos nas orelhas, pescoço, braços, tornozelos...4. Formado de poucos elementos e, portanto de fácil utilização ou compreensão...Bem, sou mulher, por acaso existe alguma de fácil utilização ou compreensão?...5. Puro, mero....Sim, talvez um pouco de pureza, não me faça mal nenhum!...6.Não acompanhado e não ajudado por outros: só, único!...Aí há de se dizer, não tem ninguém mais simples!...7. Normal,vulgar, comum, ordinário!...Começo a me estressar rsrsrsrsrsr...8. Sem luxo, aparato, ostentação: modesto...Bem, mesmo que tivesse muito dinheiro, não ostentaria, e meu luxo não está em coisas que a maioria das pessoas chamam de luxo, tenho uma certa "simplicidade" nos meus luxos...Troco um anel de brilhantes por uma coleção original dos antigos pensadores e escritores: Platão, Confúcio, Giorgio Vassari, simples assim!...9.Que se encontra no nível mais baixo de uma hierarquia...Bem já estive em diversos estágios da pirâmide social..no alto, na base...acho que agora estou igual a maioria das pessoas, no meio!...10. Que se deixa facilmente enganar, ingênuo, tolo, simplório...Será que ele me vê assim?..Pensando bem, não é muito difícil me enganar!...Procede... 11. Sem instrução, ignorante!...Bem, nem tanto céu, nem tanto a terra!...Quem não é simples em algum assunto?...12. Modesto, humilde, pobre...Sim, sou simples!...13. Natural, espontâneo...Ninguém mais simples!...14.Pessoa simples, ignorante, humilde...estou me estressando de novo.....

     

    Bem, com tantas opções, acabo ficando ainda mais confusa!...É melhor deixar  isso prá lá!...Fica mais simples!

     

     

     

     

    SE TIVE PROBLEMAS, NÃO FOI POR FALTA DE FELICIDADE!

     

    Esta é uma frase muito conhecida do filme "O Divã", com Lília Cabral como protagonista, e que esteve no sermão da missa de hoje, na paróquia que frequento, com citação do filme e tudo !

     

    Gostei de ouví-la na boca de um padre católico, para exemplicar uma passagem bíblica, pois é sinal, que, ao menos alguns padres já se conscientizaram que precisam trazer a igreja para os dias de hoje, para que haja uma interação maior entre os fiéis.

     

    Com esta frase ele dizia  que precisamos acabar com essa mania de muitas pessoas, de só olharem as coisas ruins e ficarem vivendo sobre elas. Que devemos sim, nos dar conta das coisas boas que vivemos e possuimos, apesar de ter alguns probleminhas de vez em quando...E que, estes problemas e tristezas eventuais, não querem dizer que não sejamos felizes!

     

    Aí fiquei pensando em quantas vezes a fé me salvou! Salvou-me da depressão, ajudou-me a confiar no futuro, e, nos momentos de medo,  ter a certeza de que, a qualquer momento, tudo poderia mudar e se transformar.

     

    Lembrei-me das crianças que estão tendo poucas oportunidades  de vivenciar Jesus, na igreja, porque os pais não têm o hábito...E me perguntei: Será justo com elas, não ter a oportunidade deste conhecimento???...Se aos pais, não faz falta este contato, tudo bem, mas privar os filhos de terem esta oportunidade, é justo?

     

    Em que, ou em quem, estas crianças se apegarão, quando adultas, e o vazio tomar conta? 

     

     

     

     

     

    À noite, todos os gatos são pardos?

    Tem um ditado brasileiro que diz: "À noite, todos os gatos são pardos", expressão  dos antigos,  usada para dizer que tudo se iguala, e que não é preciso se preocupar, caso alguma coisa não esteja de acordo com os costumes.

     

    Mas, nem todos os gatos são pardos, à noite!...Muitas coisas se destacam, justamente com as luzes dela. Dá uma olhadinha nestas fotos de Curitiba, do Parque Tanguá, o quanto a noite modificou os mesmos lugares...Nem mais bonito, nem mais feio....apenas diferente!

     

     

     

     

     

     

     

    As fotos noturnas, são de autoria de Jhansen Machado, lá de Curitiba, do site  www.ciclismo.esp.br

    QUEM PEDE A SEPARAÇÃO PRIMEIRO?

     

    O programa de ontem, "Entre Aspas", da Mônica Waldvogel, na Globo News, trouxe o  psicanalista e professor da USP Ailton Amélio da Silva,e Sergio Braghini, pscianalista e doutor em ciencias sociais/FESP, para tentar entender porque os brasileiros estão se divorciando tanto. Segundo dados do IBGE, o número de divorcios no Brasil, bateu record, neste ano.

     

    Também segundo as pesquisas, 70% dos pedidos de separação tem a iniciativa feminina, e a explicação de Ailton é que a mulher sente-se mais desconfortável quando a relação não vai bem...Ainda, segundo o psicanalista, o homem, costuma dar uma de "morto", "não tô entendendo", "empurra com a barriga", mas a mulher não, ela não consegue viver com estes subterfúgios.

     

    Uma dica bastante interessante, dada pelo próprio Ailton, mas fazendo uma citação de outro entendido do assunto,para se conseguir manter uma relação é preciso ter  a proporção 5x1, ou seja, para cada defeito de uma pessoa, é necessário, ter-se 5 outras coisas boas compensatórias. Mas, frisou bem: 5 e não 10, porque 10, já entra em outro terreno, o da submissão e subserviência, que acaba com a personalidade do indivíduo.

     

    Mas, assistam ao programa e tirem suas próprias conclusões:

     

     
     

     

     

     

    Mônica Waldvogel