Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

INTERCAMBIANDO

Blog para fazer amigos pelo mundo, falar do cotidiano, experiências , sentimentos e relacionamentos das pessoas comuns!

INTERCAMBIANDO

Blog para fazer amigos pelo mundo, falar do cotidiano, experiências , sentimentos e relacionamentos das pessoas comuns!

  • COMPARTILHAR NO GOOGLE MAIS

  • HISTÓRIA DA ARTE - A ERA ROMANA- PARTE 1

    Vamos tentar mostrar aqui as influências da Arte Romana na arquitetura, na pintura, na escultura, nas diversas manifestações artísticas...Embora se tenha farto material sobre o assunto na Internet, quando fizemos este trabalho em 2011 sentimos falta de algo que abordasse todos estes aspectos, e muitos não possuiam fotos, enfim, fizemos uma síntese, e gostaríamos de compartilhar com as pessoas que gostam de arte e história. 

     

    " Nos bons tempos, quando o poderio romano era inquestionável,o império romano cobria uma área territorial imensa, que ia da atual Inglaterra até a Rússia, passando por todo o norte da África, incluindo o Egito. Era um império formidável e modificou o mundo com novos conceitos sociais, administrativos e políticos. Recebendo a influência de muitos povos, os romanos foram os responsáveis por espalhar pelo mundo uma grande quantidade de idéias e princípios, como o próprio cristianismo. Também com a arte, a influência recebida de diversos povos - principalmente os gregos -, tratou de ser divulgada e implementada nos quatro cantos do planeta, pois o Império Romano significava a maior parte do mundo conhecido e civilizado nos séculos que antecederam e sucederam o nascimento de Cristo. É dessa época que falaremos.

     

    Ela desenvolve-se durante os quase seis séculos que vão da terceira Guerra Púnica (146 A.C.) ao séc. IV D.C., quando perde a originalidade e se dissolve na cristã-primitiva, e na bizantina. Para sua formação contribuíram elementos gregos e etruscos – principalmente gregos, o que se explica pela conquista de toda a Itália, então sede de inúmeras colônias gregas, pelas legiões romanas (séc. III A.C.).

     

    Ela sofreu duas fortes influências: a da arte etrusca popular que é voltada para a expressão da realidade vivida, e a da greco-helenística, orientada para a expressão de um ideal de beleza.Um dos legados culturais mais importantes que os etruscos deixaram aos romanos foi o uso do arco e da abóbada nas construções.

     

     

    Esta é a cidade de Bagnoregio, de origem etrusca. Esta estrada, foi outrora, a principal ligação entre Roma e o Rio Tibre.

     

     Estatueta funerária de Chianciano, século V a.C., Museu Arqueológico de Florença, herança etrusca também.

     

    Grande parte do que se tem hoje sobre a era romana, provém de achados em Pompéia, a cidade destruída por vulcões em 79 A.C.

     

    Ruínas de Pompéia

     

    Algo bem curioso, quando das descobertas das ruinas de Pompéia, foram os corpos cobertos pelas cinzas do vulcão, que de início pensou-se serem estátuas...Só perceberam o engano, quando ao transportá-las, os pedaços de lavas foram se soltando e só então percebeu-se tratar realmente de corpos.

     

     

    Bem,  continua em Era Romana Parte II, III e IV

     

    A MÁFIA DOS BOINAS CINZAS!

    Escrevemos aqui, ano passado, sobre a máfia da rúcula rasgada, que foi um post carinhoso para falar sobre intimidade!

     

    A intimidade que transforma pequenas bobagens em verdadeiros códigos familiares.

     

    Êste ano, minha filha mais nova resolveu fazer uma brincadeira com boinas cinzas confeccionadas por ela com lãs antigas, produto das minhas procrastinações.

     

    Ela conseguiu confeccionar 5 delas, e todo mundo que apareceu por aqui teve que usá-las por alguns minutos para tirarmos as fotos.

     

     

     

    A família e os amigos, na hora do churrasco

     

    O genro churrasqueiro

     

    Os amigos que vieram de Santos

     

    O casalzinho simpático que já andou por aqui várias vezes

     

     

     Até a matriarca da família arriscou-se na Boina cinza

     

     A nossa criança

     

     

    Os amigos que vieram para o almoço do ano novo

     

     

     

    E, nem mesmo os homens negaram-se em posar para as fotos

     

     

    E até mesmo os nossos queridos que estão no Canadá participaram da brincadeira

     

    Que graça tem nisso tudo?

    Alegria, cumplicidade, carinho, FAMÍLIA!

    À noite, todos os gatos são pardos?

    Tem um ditado brasileiro que diz: "À noite, todos os gatos são pardos", expressão  dos antigos,  usada para dizer que tudo se iguala, e que não é preciso se preocupar, caso alguma coisa não esteja de acordo com os costumes.

     

    Mas, nem todos os gatos são pardos, à noite!...Muitas coisas se destacam, justamente com as luzes dela. Dá uma olhadinha nestas fotos de Curitiba, do Parque Tanguá, o quanto a noite modificou os mesmos lugares...Nem mais bonito, nem mais feio....apenas diferente!

     

     

     

     

     

     

     

    As fotos noturnas, são de autoria de Jhansen Machado, lá de Curitiba, do site  www.ciclismo.esp.br

    LINDA, AOS 68 ANOS!...E SEM PAPAS NA LÍNGUA!

     

     

    O programa Fantástico, da Rede Globo, começou a semana passada uma série, com o nome "O que vi da vida".

     

    Neste domingo, foi a vez de Susana Vieira.

     

    Aos 68 anos de idade, e tão bonita quanto em Anjo Mau, novela que foi ao ar em 1976, e com uma língua afiada, às vezes beirando à presunção...Mas, vamos combinar?...Ela pode!

     

    Hoje, aos 68 anos de idade

     

     

     E, em 1976, em Anjo Mau

     

    Assista à entrevista: 

     

     

     
     
     
     
     
     

    CRER E VER!

    Assim como a maioria das pessoas, também tenho minhas dúvidas religiosas...A história está cheia de artimanhas criadas pela Igreja para arrebanhar fiéis!

     

    De Jesus, como homem, e um Ser Superior, nunca tive dúvidas...

     

    Além do que, ainda que não se tenha provas materiais de sua existência, a extensa obra bíblica com seus ensinamentos, mesmo que tivessem sido criados pela Igreja, o que não seria impossível, por si só, pelo seu conteúdo tão precioso e bom,   já seria o suficiente para Crer, Louvar, Seguir. 

     

    Mas, ter algo material a comprovar a Fé, é sempre um sonho Humano.

     

    Aos que precisam, como São Tomé, Ver para Crer, segue fotos do corpo de Santa Bernadette, a menina que viu Nossa Senhora, 18 vezes. Aos 152 anos de idade, continua intacto, e pode ser visto pessoalmente em Nevers, França, no Convento de Saint Gildard... Apesar das aparições terem ocorrido em Lourdes, e ser, esta, fonte das peregrinações, o corpo de Bernadette, beatificada em 1925, e canonizada em 1933, continua em Nevers.

     

    Aos que quiserem saber mais, clique aqui

     

     

     

     

     

     

    LINDA, CARISMÁTICA E SEXY AOS 60!

    Quem arrasou mesmo, no São Paulo Fashion Week, esta semana, foi Sonia Braga, a eterna "Gabriela" Brasileira!

     

    Aos 60 anos, exibe uma forma invejável, e o carisma de sempre.

     

    Sua presença, foi impactante, em contraste às modelos desnutridas e com aquelas "caras - bocas - andares - de - pernas - trançando", das passarelas.

     

    Outra modelo, também, que deslumbrou foi Antonia Frering, filha da  socialite Carmen Mayrink Veiga. Aos 45 anos, prova que o modelo de mulher real, de carne, osso, cérebro, e atitude, encantam muito mais que apenas rostinhos e corpos anoréxicos. Antonia, apesar de ter nascido em berço de ouro e glamour, é mulher que trabalha, luta, participa de causas sociais, evolui a cada ano em sua carreira.

     

    Mulheres invejáveis!...Modelos a serem seguidos!

     

    Parabéns à grife "Adriana Degreas" por trazê-las às passarelas, e mostrar ao mundo a verdadeira beleza da mulher brasileira.

     

    Linda aos 60

     

     

    Com 3 filhos adultos (24, 22 e 19), aos 45 anos,a lindíssima Antonia

    BRASILEIROS NO HAWAII, AGUARDANDO O TSUNAMI!

    Gi, é uma das queridas que acompanham nosso blog, e hoje, é  quem vai nos contar o sufoco que ela, o marido e o cunhado passaram a alguns dias atrás, no Hawaii!

     

    "Nas redes sociais que paticipo, amigos costumam postar mensagens do tipo ‘vc que curte a vida’, como vc viu isso? Eu Tb estava lá e não vi.’, ‘suas fotos são as melhores’, ‘seus passeios são incríveis’, e a cada uma dessas mensagens eu refleti que o que faz a diferença nas minhas imagens (únicas), e meus passeios (incríveis), é a forma como olho para cada situação, por mais simples que seja. Felizmente consigo ver alegria e beleza em momentos comuns da vida.

     

    Essa viagem que fiz, foi mais que especial, foi o momento pelo qual sempre esperei, conhecer o Hawaii.

     

    Nossa peregrinação começou no último dia de fevereiro, partindo de Curitiba para SP (5 horas de viagem e um contra tempo de acabar a gasolina no meio do nada), depois 13 horas de Sp para Los Angeles, mais 5 horas de LA pro Hawaii ( um vôo turbulento, num avião ruim, um serviço de bordo péssimo!

     

      Chegando, não pude me conter de excitação. Aquele mar azul céu, arco-íris de cores vivas que nos visitou todos os dias enquanto estivemos lá.

    Dias lindos de sol se seguiram, visual paradisíaco, pessoas de todas as etnias, pensei ‘vou ficar por aqui vendendo côco, ALOHAAAAAA’. Peixinhos de todas as cores, água limpíssima, focas, tartarugas...

     

    Porém, um dia antes de partirmos já com aquela saudade, dormíamos de cansaço quando tocou o celular: - ‘Não sei se vocês estão sabendo...terremoto...Japão...8.9, risco de tsunami AÍ’. Na sequência toca o telefone do hotel: - ‘Subam para o 8° andar...precaução’.

     

    Ligamos a Tv, CNN, relógio de contagem regressiva para a onda gigante atingir a costa hawaiana, pensei ‘é um sonho?’. Sirenes em toda Honolulu, evacuaram as ruas, polícia anunciando para que procurássemos lugares altos, sair do hotel, nem pensar. Mas pensei ‘é um pesadelo?’

     

    Subimos para o oitavo andar, o quarto da espera, e me deu uma baita dor de barriga, pensei ‘não é sonho, é a vida real mesmo!’

     

    Ficamos lá por algum tempo, contando os minutos. Na verdade as horas, porque a agitação começou 4 horas antes.

     

    E dá-lhe sirene. Tensão!

     

    Fomos colocar o carro pra um andar mais alto!...Comecei a mudar um pouco o meu foco tsunâmico, comecei a me lembrar do dia em que andei num elevador panorâmico 39 andares numa velocidade absurda, que frio na barriga, pensei ‘ como eu odeio altura, por que sempre faço isso, já sabendo que vou sentir o maior cagaço? ‘ respondi para mim mesma de duas formas, primeira: necessidade de mudar o foco naquele momento, segunda: adoro fazer tudo que tenho medo, é uma forma de quebrar algumas barreiras superando a mim mesma. Viu como consegui mudar o foco?

     

    Mas logo me veio a gélida sombra do TSUNAAAAAAAMIIIIIIII!!! Barriga gelou. Voltamos pro nosso quarto no quarto andar, percebi uma falta de movimentação, foi então que vi, meu marido e meu cunhado dormindo!...

     

     Gente!!! Como alguém consegue dormir? Restava apenas mais uma hora de angústia, vamos voltar pro quarto da espera pelamordedeus!!... 

     

    Roí as unhas, e quando não tinha mais o que roer, faltando 15 minutos pra temível onda atingir a costa, adormeci de cansaço, medo, estresse...

    Acordei de manhã assustada “ CADÊ O TSUNAMI?”

     

    Bem, a onda mesmo não chegou, Graças a Deus... Só então, começamos a ver a verdadeira destruição em Fukushima, e o terror nos assolou novamente!

     

    Saímos então para dar adeus ao Hawaii e suas belezas vulcânicas, praias paradisíacas, barquinhos no horizonte, mar calmo, e um belíssimo arco-íris pra fechar a viagem.

     

    Cansados, fomos pegar o bendito avião, ó céus, era praticamente um teco teco de santos Dumond recalchutadinho. Meu assento não assentava nem a paulada. Rezei, aliás, rezei muito a viagem toda, foram 6 horas de turbulência terrível, pensei ‘sobrevivi a um tsunami, vou morrer em desastre aéreo, era só o que me faltava’, todos estavam muito tensos e mal dormidos.

    Precisei levantar quando fui jogada no assento vizinho, pânico, ‘que beleza, vamos morrer, Pai Nosso...ave Maria...eu tenho filha pra criar...serei uma pessoa boazinha...minha filha, orfã de pai e mãe...Pai Nosso...numa próxima vamos em aviões diferentes, se um cair, ao menos salva-se outro...Ave Maria...Aperte o cinto...como se isso fosse resolver, mas nunca se sabe,  apeeeerrrrrta o cintooooooooo’.

     

    Chegamos! Ufa! Minha vontade era de virar o Papa João Paulo e beijar o chão, ô terra boa, firme NÉ?

     

    Agradeci por tudo. Fiz parte de uma história que, felizmente não chegou a acontecer, mas mesmo assim, divido-a com vocês.

     

     

     

     

     

    FUI AO MASP, NÃO VI TARSILA!

    É verdade!...Nosso curso de Comunicação Visual, esteve hoje, no Masp, ( Museu de Arte de São Paulo), e não vi Tarsila do Amaral, um de nossos ícones do Movimento Modernista no Brasil!

     

    Procurei no acervo, mas, parece que não existe nada dela lá!...Estranhei!...Voltei, continuei procurando, mas, nada encontrei!...

     

    ...Bem, não vimos Tarsila, mas vimos Toulouse Lautrec, Manet, Monet, Degas, Van Gogh, Picasso, Di Cavalcanti, Portinari, entre outros grandes nomes de todas as épocas!...Enfim, um acervo Bilionário!

     

    Claro, a emoção é grande, estar frente a frente com estas obras, que além de consagradas, remontam a tempos tão distantes ( algumas obras de artistas do ano 1400).

     

    Interessante também, entrar em contato com algumas obras consagradas, mas que não conhecíamos os artistas, e posto algumas delas aqui, para compartilhar com vocês:

     

     

    Giovanni Boldini (Itália 1842 - França 1931)  - Amei seus traços, e a vida que este quadro tem pessoalmente

     

     

     

     

     

     

    ANDRÉ LHOTE -  Bordeaux- França, 1885 -  Paris - 1962

    Interior com figuras femininas

     

     

     

    Edouard Vuillard - Cuiseaux - França 1868 a 1940

    A Princesa Bibesco

     

     

    Maurice  Utrillo - Paris 1883 a 1955

    Obra Sacre Coeur de Montemartre e Chateau des Bronilards

     

    Bem, é isso aí!...preferi colocar as fotos dos que eu, pessoalmente menos conhecia ( perdão aos entendidos, pela minha ignorância), mas, que   gostei igualmente aos mais famosos!

     

    Aos que quiserem conhecer o acervo do Masp, basta acessar : http://www.masp.art.br

     

     

    Como Ganhar Dinheiro na Internet

     

    ESTA NOITE LEVAREI SUA ALMA!

    Com este tema, a "Unidos da Tijuca", bicampeã do Carnaval do Rio, entrou na Avenida, com uma comissão de frente de arrasar, pelo 2º ano consecutivo.

     

    O enredo foi em torno de filmes de terror, suspense, e ação, e a bateria se apresentava com as Fantasias de "Lanterninha", representando os guardinhas do cinema.

     

    Na comissão de frente,  seres de outro mundo, bem assustadores, todos vestidos de preto, com cabeleira branca e, em determinado momento caia-lhes a cabeça até a altura da cintura, o que depois colocavam de volta, num sincronismo impressionante de todos os componentes.

     

     

    Não houve quem não ficasse intrigado com a peripécia, e também com a mesa que flutuava, num carro alegórico, numa alusão ao filme Harry Poter.

     

    Um dos carros alegóricos, tinha uns gorilas que se jogavam das árvores em um cipó, interpretados por alpinistas treinados, devido a complexidade do fato...Em outro carro 30.000 litros de água para abrigar um imenso tubarão que devorava um ser humano, interpretado por um mergulhador que tinha que passar literalmente pela goela do tubarão e retornar a cena...Claro, só aparecia "o antes", por motivos óbvios.

     

    Foi um delírio total, com excessão dos críticos mais consevadores que temem, ao aplicar-se tanta tecnologia num desfile de Carnaval, que se perca a naturalidade dos desfiles e uma mudança de rumo cultural.

     

    Mas, estive lendo a respeito, no livro O ENREDO de Julio Cesar Farias,  e os entendidos da matéria, dizem " ser impossível conter os rumos que uma cultura caminha espontâneamente, com risco de tornar-se uma cultura completamente fechada, que só sobriveria por conta das poucas pessoas que lutariam para que não se apagasse".

    E, pelo que se tem visto, realmente parece ser um caminho sem volta, cada dia mais, irmos nos aculturando com as novas tecnologias...É algo que não se tem como impedir, delas avançarem para o dia-a-dia, para as artes, e para tudo mais.

     

    Difícil será outra escola superar tudo que passou na Unidos da Tijuca!...Foi tão im pressionante que, talvez eles mesmos possam vir a ter dificuldades em se superar!

     

     

     

     

     

     

     

     

     FOTOS DA COMISSÃO DE FRENTE DA UNIDOS DA TIJUCA

     

    CONTINUAÇÃO NO SABEDORIA POPULAR

     

     

    A MENTE E O TEMPO!

    Texto interessantíssimo, de autor desconhecido, que circula aqui pela net!...Mas parece que ele sabe muito bem o que está dizendo:

     

     

    O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos.

     

    Se alguém colocar você dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília, sem portas ou janelas, sem relógio... você começará a perder a noção do tempo.

     

    Por alguns dias, sua mente detectará a passagem do tempo sentindo as reações internas do seu corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome, sede e pressão sanguínea.

     

    Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento dos objetos, pessoas, sinais naturais e da repetição de eventos cíclicos, como o nascer e o pôr do sol.

     

    Compreendido este ponto, há outra coisa que você tem que considerar:

     

    Nosso cérebro é extremamente otimizado.

     

    Ele evita fazer duas vezes o mesmo trabalho.

     

    Um adulto médio tem entre 40 e 60 mil pensamentos por dia.

     

    Qualquer um de nós ficaria louco se o cérebro tivesse que processar conscientemente tal quantidade.

     

    Por isso, a maior parte destes pensamentos é automatizada e não aparece no índice de eventos do dia e portanto, quando você vive uma experiência pela primeira vez, ele dedica muitos recursos para compreender o que está acontecendo.

     

    É quando você se sente mais vivo.

     

    Conforme a mesma experiência vai se repetindo, ele vai simplesmente colocando suas reações no modo automático e 'apagando' as experiências duplicadas.

     

    Se você entendeu estes dois pontos, já vai compreender porque parece que o tempo acelera, quando ficamos mais velhos e porque os Natais chegam cada vez mais rapidamente.

     

    Quando começamos a dirigir automóveis, tudo parece muito complicado, nossa atenção parece ser requisitada ao máximo.

     

    Então, um dia dirigimos trocando de marcha, olhando os semáforos, lendo os sinais ou até falando ao celular ao mesmo tempo.

    Como acontece?

     

    Simples: o cérebro já sabe o que está escrito nas placas (você não lê com os olhos, mas com a imagem anterior, na mente); O cérebro já sabe qual marcha trocar (ele simplesmente pega suas experiências passadas e usa, no lugar de repetir realmente a experiência).

     

    Em outras palavras, você não vivenciou aquela experiência, pelo menos para a mente. Aqueles críticos segundos de troca de marcha, leitura de placa, são apagados de sua noção de passagem do tempo...

     

    Quando você começa a repetir algo exatamente igual, a mente apaga a experiência repetida.

     

    Conforme envelhecemos, as coisas começam a se repetir:  as mesmas ruas, pessoas, problemas, desafios, programas de televisão, reclamações... enfim... as experiências novas (aquelas que fazem a mente parar e pensar de verdade, fazendo com que seu dia pareça ter sido longo e cheio de novidades), vão diminuindo.

     

    Até que tanta coisa se repete que fica difícil dizer o que tivemos de novidade na semana, no ano ou, para algumas pessoas, na década.

     

    Em outras palavras, o que faz o tempo parecer que acelera é a...

     

    ROTINA

     

    Não me entenda mal.

     

    A rotina é essencial para a vida e otimiza muita coisa, mas a maioria das pessoas ama tanto a rotina que, ao longo da vida, seu diário acaba sendo um livro de um só capítulo, repetido todos os anos.

     

    Felizmente há um antídoto para a aceleração do tempo: M & M (Mude e Marque).

     

    Mude, fazendo algo diferente e marque, fazendo um ritual, uma festa ou registros com fotos.

     

    Mude de paisagem, tire férias com a família (sugiro que você tire férias sempre e, preferencialmente, para um lugar quente, um ano, e frio no seguinte) e marque com fotos, cartões postais e cartas.

     

    Tenha filhos (eles destroem a rotina) e sempre faça festas de aniversário para eles, e para você (marcando o evento e diferenciando o dia)..

    Use e abuse dos rituais para tornar momentos especiais diferentes de momentos usuais.

     

    Faça festas de noivado, casamento, 15 anos, bodas disso ou daquilo, bota-foras, participe do aniversário de formatura de sua turma, visite parentes distantes, entre na universidade com 60 anos, troque a cor do cabelo, deixe a barba, tire a barba, compre enfeites diferentes no Natal, vá a shows, cozinhe uma receita nova, tirada de um livro novo.

     

    Escolha roupas diferentes, não pinte a casa da mesma cor, faça diferente.

     

    Beije diferente sua paixão e viva com ela momentos diferentes. Vá a mercados diferentes, leia livros diferentes, busque experiências diferentes.

     

    Seja diferente.

     

    Se você tiver dinheiro, especialmente se já estiver aposentado, vá com seu marido, esposa ou amigos para outras cidades ou países, veja outras culturas, visite museus estranhos, deguste pratos esquisitos.. .... em outras palavras.... .. V-I-V-A. !!!

     

    Porque se você viver intensamente as diferenças, o tempo vai parecer mais longo.

     

    E se tiver a sorte de estar casado(a) com alguém disposto(a) a viver e buscar coisas diferentes, seu livro será muito mais longo, muito mais interessante e muito mais v-i-v-o... do que a maioria dos livros da vida que existem por aí.

     

    Cerque-se de amigos. Amigos com gostos diferentes, vindos de lugares diferentes, com religiões diferentes e que gostam de comidas diferentes.

     

    Enfim, acho que você já entendeu o recado, não é?

     

    Boa sorte em suas experiências para expandir seu tempo, com qualidade, emoção, rituais e vida.

     

    E S CR EVA em  tAmaNhos diFeRenTes e em CorES  di f E rEn tEs !


    CRIE, RECORTE, PINTE, RASGUE, MOLHE, DOBRE, PICOTE, INVENTE, REINVENTE...  V I V A!!!

     

     

     

     

     

     

     

    SAINDO DA ROTINA EM 1º DE jANEIRO DE 2011

     

    E

     

    SAINDO DA ROTINA O RESTO DO ANO